Procure Edições Antigas

sábado, 19 de fevereiro de 2011

Desejo com Sabor de Chocolate

"Aprendi a esperar
Mas não tenho mais certeza
Agora que estou bem
Tão pouca coisa me interessa...


Contra minha própria vontade
Sou teimoso, sincero
E insisto em ter
Vontade própria...
"
(L'Age D'Or - Legião Urbana)


O tempo passa... E pressa é a expressão mais desesperada da vontade. Mas vontade é coisa que dá e passa, não dizem? Isso é uma mentira... Vontade é uma coisa que dá, e fica estacionada. Quando menos se espera, ela aparece de novo.

O fato é que eu descobri: ele não era ele. Talvez porque ele seja perfeito. Sim, ele é... E quando a esmola é muita, o santo desconfia. Eu não sou santo (nem um pouquinho), mas desconfiei. E decidimos, em comum acordo, que ele não seria ele. E eu fiquei muito satisfeito: dos perfeitos, é melhor ter a amizade do que o amor.

Algo ainda me incomoda nisso tudo. É a tal da vontade. Como eu disse, ela não passa, fica estacionada. Será que essa tentação seria capaz de transpor um sentimento tão puro quanto a amizade? Acredito que seja... Não tem problema, amizade não se abala nunca, e eu sinto que essa é sincera. Quando rola admiração e empatia, ela é sincera, não precisa nem testar.

Na verdade, eu não sou exigente (e é pela enésima vez que eu digo isso, hahah). Não tem mousse de maracujá, eu peço o mousse de chocolate: tão doce quanto, só que com um tom de amargo, pecaminoso... Maravilhosamente inebriante, viciante... Algo que até a ciência tenta explicar, mas não consegue (serotonina, talvez?). E sim, eu quero me deleitar também, pelo menos enquanto eu não acho alguém que me dê mousse de maracujá... E eu posso, porque eu não tenho medo do pecado. Como já dizia Cazuza e cantava Cássia Eller, “Bobeira é não viver a realidade”, só que eu ainda tenho uma vida inteira... Uma vida para comer esses doces impulsivamente...



Eu espero o mousse de chocolate ficar pronto... O de maracujá eu vou procurar outro dia, em outra loja. Aliás, de maracujá eu já to meio enjoado. Esses dias eu comi e acho que já estava meio passado, porque não me desceu muito bem não.

Estou criando coragem para mostrar meus poemas aqui. Mas sim, decidi posta-los logo em breve (quem sabe no próximo post?). Antes eu não ia, porque eles estão relacionados a ele. Mas agora que eu acho que as coisas estão mais ou menos nos trilhos certos, não vejo problema de postá-los aqui (ou será que vejo? Não sei =/). E sim, podem falar mal deles, caso minhas jibóias digerindo elefantes se pareçam mais com chapeis... hahahaha

Mudando de assunto, assim de repente... Eu queria oferecer um post para a Madrinha, para ela colocar lá no outro blog dela. Pra quem não sabe, ela teve uma idéia maravilhosa de convidar outros blogueiros e blogueiras para, durante o mês de março, fazerem posts lá no Eu Sou a Graúna sobre “mulheres admiráveis”. Eu adorei a ideia e também queria participar... Difíciu é escolher uma mulher entre as tantas sobre as quais eu queria falar: Cássia Eller, Marisa Monte, JK Rolling, quem sabe a própria Borboleta? rsrs. Madrinha, o que você acha?

Outra coisa, que eu não poderia deixar de comentar aqui. Eu fico muito, mas muito feliz quando eu vejo que algo que eu fiz realmente fez alguém pensar ou lembrar de alguma coisa, ainda mais quando a pessoa é alguém que eu admiro muito. Sendo mais específico, eu fiquei muito honrado com a citação que o Melo fez sobre meu post lá no blog dele, afinal de contas, eu sempre admirei muito o Melo e o trabalho dele... Aliás, pra quando é o Livro?? rsrsr

"Qual é teu nome?
Qual é teu signo?
Teu corpo é gostoso
Teu rosto é bonito...

Qual é o teu arcano?
Tua pedra preciosa?
Acho tocante
Acreditares nisso...
"
(L'Age D'Or - Legião Urbana)






Bem gente... Acho que isso é tudo! E continuem comentando, vocês sabem que eu adoro... xD... Vou ali comer um doce, senão eu vou pirar!!! hahahahah

Um abraço a todos... Até o próximo

PS: Eu nem ia colocar música nenhuma nesse post... Mas eu achei que L'Age D'Or se encaixava legal na situação... rsrsrs... Acho que já tá virando um hábito. Vocês já devem estar de saco cheio de tanta música da Legião, não é? hauahauaha

20 comentários:

Antonio de Castro disse...

mudar o cardápio por mudar pode ser fatal. principalmente quando o assunto é sobremesa.

Ro Fers disse...

Sentimentos, desejos são complicados, algo muito foda...
Bela frase sua: "Vontade é uma coisa que dá, e fica estacionada. Quando menos se espera, ela aparece de novo".
Foda quando essa vontade nao sai da cabeça... ai tem q ser forte e estar aberto à novas "vontades"..rs
Forte abraço!

Ma disse...

Rapaz, quando vi que o post começava com a música do legião, eu quase não leio, assim como fiz com o do maracujá. Ouvi muito legião durante minha adolescencia e as vezes fica visceral demais pra mim, enfim...

Acho que a palavra do momento é se permita a tudo ! Se permita a provar outros mousses, de demonstrar que está enjoado, que ama um mousse e que detesta outro, permitasse amar e transar por aí, a ser fofo colocando ilustrações do pequeno príncipe e rude quando necessário, permita essa vontade explodir, se ninguém morrer, você só ganhará experiência, hehe

Quanto aos poemas, estou curioso, manda =D. A gente só melhora nossa escrita quando compartilhamos ela =]

Abs

Gui disse...

Tempo.

Dizem que o tempo resolve tudo, né?

Borboletas nos Olhos disse...

Afilhado, e nunca fui muito de sobremesas, sabe porque? São grandes demais e eu sempre quis comer um pouquinho de cada, daí minha felicidade quando elas estão no self service por quilo. ficaadica#.

Quanto ao post, eu ficarei honrada e feliz, voc~e pode escolher quem vc quiser (amo a Cassia Eller, outra dica) mas também pode ser sobre sua mãe, sua melhor amiga, você escolhe, só que já estou marcando a data...05 de março, ok? é só mandar pra o email borboletasnosolhos@gmail.com
E obrigada por divulgar a idéia...estou louca que chegue dezembro pra conhecer meus queridos marido e afilhado.

Paulo Braccini disse...

então querido ... vc é novo e tudo ainda está por fazer e acontecer ... uma coisa importante vc já se deu conta ... a vida não é para se ter medo, ela é para ser vivida em todas as suas possibilidades ... se não tem musse de Maracujá vamos comer o de Chocolate ou o de Limão ... pq não? Cada um tem o seu paladar e derrepente percebemo q aquele q julgávamos ser o q mais gostávamos é um tanto quanto enjoativo e q existem outros mais interessantes ...

bjux

;-)

Wans disse...

Vc nem imagina o quanto eu fico ansioso pelo livro do marido. E ele te citou porque o post tava lindo.

parabéns!

FOXX disse...

as vontades sempre ficam lá né? guardadas, e vc lembra q não as realizou, e q não vai... ai ai

Lobo disse...

Ninguém é perfeito.

Mas flexibilidade faz parte, afinal, nem toda loja tem o sabor que nós queremos, não é?

Beijo Júlio!

Autor disse...

Acho que estou lento pq me perdi totalmente nas suas metáforas com os mousses, rs...

Bruno disse...

Relaxa nessa vida bandida, gato!
MOSTRA OS POEMAS, FAZ A MALUCA E SAI NA RUA DE LADY GAGA, TANTO FAZ. O negócio é vc viver o que tem [ou o que vc se dispõe a] viver agora
Bjo
saudade

Daniel Braga disse...

Hey, quando menos esperar... seu mousse de maracujá estará pronto pra ti. Só ter fé. Aliás, eu AMO mousse de maracujá. É meu 2º doce favorito. Perdendo apenas pra TORTA DE LIMÃO *_______*

~Até mais querido. E só pra esclarecer eu não sou fumante! Foi bem subjetivo mesmo esse texto. Creio que você (foi o único que...) interpretou certo.

*DB*

melo disse...

mostre os poemas sim! deves!

fiz a menção porque aquele post me tocou em especial e você tem esse dom comigo pois vejo o paralelo entre coisas suas com as que já vivi. leio seus posts e vejo a mim mesmo muitas vezes...

quanto às sobremesas, acho que você deve espernear e brigar para ter a que você quer e não a que tem pra hoje (com licença, Bratz)...

melo disse...

nota: o livro sai, não sei quando, depende mais das editoras....alguém tem contatos ae?

SG disse...

Fazer mousse de maracujá é bem mais difícil do que o de chocolate.

Trabalho a mais compensa mais...

Mas não é só de trabalho que uma pessoa vive, certo?

Um abração!

CIELLO disse...

Opa...chegando aqui pela primeira vez nesta tarde de sábado. Gostei demais do que escreveste principalmente porque eu vivi situação semelhante e humildemente acredito saber como vc se sente... enfim.. a vida continua e a gente vai pro mousse de chocolate que é divino! amo, peco e fica sempre o desejo, a vontade, estacionada lá.

perfeito.

abraçao.

BsVoxx disse...

achei fantastica a ideia de comer o mouse que estivesse a disposição ... me senti completamente incluido quando vc falou da sensação inebriante do chocolate ... Sabe de uma coisa: Espero que vc logo encontre ELE e que ele continue a ser um bom amigo ... bjs

BsVoxx disse...

Discordo de vc em um ponto ... ha vontades que não passam, mas ha vontades que passam ... Para muitos a vontade de dar passsa quando se da ... entao seria a vontade de dar uma vontade que dá e passa ou que passa quando se dá? desculpe o trocadilho infame ... nao resisti ... se quiser fica a vontade para apagar ...

BsVoxx disse...

Discordo de vc em um ponto ... ha vontades que não passam, mas ha vontades que passam ... Para muitos a vontade de dar passsa quando se da ... entao seria a vontade de dar uma vontade que dá e passa ou que passa quando se dá? desculpe o trocadilho infame ... nao resisti ... se quiser fica a vontade para apagar ...

Rafael Martins disse...

Parabens pelo blog, passei a segui-lo!!