Procure Edições Antigas

segunda-feira, 28 de fevereiro de 2011

Quebra-cabeça




"Então tá combinado, é quase nada
É tudo somente sexo e amizade.
Não tem nenhum engano nem mistério.
É tudo só brincadeira e verdade.
Podermos ver o mundo juntos,
Sermos dois e sermos muitos,
Nos sabermos sós sem estarmos sós.
Abrirmos a cabeça
Para que afinal floresça
O mais que humano em nós.
"
(Tá Combinado - Maria Bethania)

Eu nem sei se deveria estar escrevendo isso. Mas decidi que não vou mais me censurar por causa dos outros, e eu preciso desocupar a minha mente, porque esses pensamentos já estão me saturando. Enfim, existe alguém, que meche comigo demais. Não é o mesmo dos ultimos posts, mas causa em mim um efeito muito próximo. Ou talvez não, é um pouco diferente, não sei explicar direito.

O que tem de mais interessante no desejo, e que é muito raro no amor, é que o desejo não é egoista. Nos permitimos desejar mais de uma pessoa, muitas delas... Mas amar, amar como amante mesmo, já é um tanto mais complicado, pelo menos eu não me imagino nessa situação.

E o que eu sinto é justamente isso: desejo. Esse alguém se encontrou comigo de uma maneira muito única. Pode até ter acontecido comigo antes, em outras ocasiões... Mas com ele foi diferente, eu senti isso... Foi como se fossemos duas peças vizinhas em um quebra-cabeça: um encaixe tão perfeito, sem sobras nem faltas... E eu gostei tanto daquele encontro, que acho que vou lembrar disso pra sempre.

O acaso nos separou, e nos reuniu, e, como se já não bastasse, nos colocou em uma encruzilhada. Mesmo assim, decidimos repetir. E foi um encaiche tão perfeito quanto o primeiro. Talvez tal perfeição se dê pela minha falta de experiencia, ou pelas palavras tão doces (vocês sabem que eu adoro doce, né? haha)que ele insiste em me repetir, que eu tanto queria escutar, mesmo sabendo que podem não ser verdadeiras.

O fato é que tudo isso me fez querer mais. O quebra-cabeça nem sempre está montado. Meu desejo era remontá-lo sempre, para me divertir, para diverti-lo, para apreder, para ensinar, ou simpelsmente para vê-lo de novo. Mas o acaso insiste em nos separar, e insiste em me lembrar que brincar de quebra-cabeça é difíciu, e que nem sempre eu estou disposto a realizar tais desafios.

Não, eu não o amo (ainda) como amaria um amante. O acaso não me permite. Eu não me permito. Porque tenho medo me jogar no precipicio, apesar de querer voar. Fraturas doem, e demoram a sarar. Minha vida não me permite me fraturar a alma agora, nesse momento. Por isso não me permito ama-lo, apenas cultivo um grande afeto, uma grande amizade... e a vontade, essa que nunca passa, e nem fica estacionada, nesse caso.

Eu queria ter a liberdade de ama-lo, ter a coragem de me jogar e me esborrachar, ou ter a certeza de que ele seguraria a minha mão e que voariamos juntos... Mas eu não tenho... Mesmo com as palavras que tanto gosto de ouvir de sua boca. A unica certeza que eu tenho é que o nosso encaiche é perfeito, tão perfeito que eu consigo me satisfazer, por hora, com a sua amizade, e com o seu corpo que tanto me atrai, sem compromisso maior que a amizade e a cumplicidade.

Continuo a minha busca pela peça do quebra-cabeça. Não sei se pode ser ele, nem quero saber agora (será que não quero?). Só sei que não quero me magoar. Continuo provando as outras peças, quem sabe eu não encontro uma tão boa quanto? (melhor eu acho que não encontro). E, vez ou outra, divertindo e me divertindo com aquela perfeição de encaiche, sem me prender a ele. Quebra-cabeças se desmontam com uma facilidade tão conveniente...

É isso galera. Já estou bem melhor agora... Agora eu já vou, porque já tá muito tarde para continuar brincando... xD



"Mas e se o amor pra nós chegar,
De nós, de algum lugar
Com todo o seu tenebroso esplendor?
Mas e se o amor já está,
se há muito tempo que chegou
E só nos enganou?
Então não fale nada, apague a estrada
Que seu caminhar já desenhou
Porque toda razão, toda palavra
Vale nada quando chega o amor...
"
(Tá Combinado - Maria Bethania)
Um beijo a todos... Até o próximo post!

PS1: Vocês perceberam que eu não coloquei uma música da Legião dessa vez? Culpa dele... rs
PS2: Essa mania de colocar música no post eu peguei com o BSvox.... hahahahahahah

22 comentários:

Edu disse...

Quer dizer que seu amigo também usa o Perfume da Bruxa, é? Xi... quando acontece é difícil alguém fazer melhor! :-)

Beijo!

melo disse...

gato, salvo existam razões que desconheço para que tudo isso se torne algo mais forte, as barreiras estão em você mesmo e digo isso de forma geral sem conhecer a fundo o contexto todo do caso.

na grande maioria das vezes, as coisas não vão pra frente por nossa causa mesmo, porque não queremos deixar que elas aconteçam e tomem seu rumo.

e nada pior do que o sabotador ser você mesmo, acredite, eu sei do que falo....

feche os olhos e se joga, se arrepende de ter feito e não de ter ficado parado vendo a banda passar...

inconstanteblog disse...

Julio, se o encaixe é tão perfeito e tão bom assim, lute pelo acaso, torne-o mais constante...

Corra!

E como vc não o ama (ainda), o que tem a perder nesta busca?

Xêro!

Paulo Braccini disse...

A sabedoria do Melo é incontestável, portanto feche os olhos e se joga, se arrepende de ter feito e não de ter ficado parado vendo a banda passar...

A vida é e será sempre aquilo q construímos e toda construção exige ação e não imobilismo ...

Esperar q as coisas aconteçam pode ser fatal ... a vida passa ... a oportunidade passa ... tudo passa e nós ficamos a ver navios ...

;-)

Antonio de Castro disse...

gente, a vida de vocês é tão agitada.

tá todo mundo falando de amor.

mas se encaixa... goza (no sentido poético da palavra).

Serginho Tavares disse...

se joga querido!

Gui disse...

Ju, você sabe o que eu penso.

FAZ A SHAKIRA E CORRE PRO ABRAÇO, GATA.

Ma disse...

VIADO, essas músicas que você coloca sempre me fazem pensar duas vezes antes de ler seus tópicos.

Sabe o último post do meu blog? O seu post caberia perfeitamente 15 dias antes dele, 90% da palavras, junto com a música, que já foi umas das minhas músicas de fossa com ele.

Mas acho que a conjuntura aqui é radicalmente diferente (meu affair morava em Belém do pará e hoje está morando em Berlim, quando disse 8000 km não era eufemismo, eheh) diferente, portanto ouça o melo e se jogue. Se a coisa tá assim, acredite, de um jeito ou de outro ficarão cicatrizes. Se jogar pode deixar cicatrizes profundas, mas as lembranças que são construídas valem por uma vida

Abs

P.S.: A única mudança que faria no post é colocar Falando Sério da Bethania, dá uma ouvida e depois me diz, hehe

Sérgio Breneditt disse...

Voltei
Desculpa ter sumido daqui dos comentários querido Julio,mas confesso sempre passava para dar uma lidinha rs.
Falar de sentimentos é algo muito dificil. Um dia amei muito uma mulher ela me ferrou me deixou por outro. Outro dia quis muito um cara, sim me apaixonei, e ele me deu um pé tb.
Hoje pego todo mundo! rs
TEnha cuidado quando se diverti com o passado, reviver momentos pode abrir feridas já estão cicatrizado...

Grande Abraço
Vc é D+ devia fazer Letras (rs)
Seu fã
Sergio

Jovem Urso disse...

2 words: se joga.

Eu não sou bom pra dar conselhos, porque se todos fossem bons, eu os venderia, mas meu... se sente que é a "peça certa", porque não se aproximar pra ver se o "encaixe" encaixa e não solta? ^^

Bjo e abraço, o/

FOXX disse...

vc não faz jus ao seu blog sabia?
chama ele de sem cortes e sem edição
mas mostra uma imagem com as palavras censurado, depois vem e escreve um post dizendo q se censura por causa dos outros
vou entrar no procon contra seu blog
vou sim...

Ro Fers disse...

Humm... Ta xonado hein...rs
Esses momentos são muito bons... A sensação do coração disparar, dentre outas sensações indescritiveis nao acontecem por acaso e nao é com qualquer um, se tu sente isso é porque ele é especial, portanto se realmente está curtindo, não tenha medo de se entregar, somente tentanto que terás a certeza.
Caso ele seja a peça errada do seu quebra cabeça, o jogo não vai acabar, pois tu terá outras chances de jogar com outras peças...
Forte abraço!

Borboletas nos Olhos disse...

Sem Medo, afilhado, sem medo...

Lobo disse...

Não acredito nessa coisa de quebra cabeça. Acho que tudo era uma grande vidraça que foi estilhaçada, que mesmo que você encontre a peça que ficava do seu lado, vai faltar uns caquinhos que se perderam por ai.

Mas se o barato é bom, se joga! Até que alguém coloque algum freio ou termos nessa história, tá valendo XD.

Beijo Júlio!

SG disse...

Cara, não tem jeito. Quando o nosso coraçãozinho começa a se derreter por outro...

Quando sentir que você está pronto, vá com tudo. E prepare-se, para o que der e vier, de bom ou de ruim.

Abração, Júlio!

CIELLO disse...

Bom dia Júlio... sua descrição é de uma sensibilidade ímpar. Seus sentimentos, sejam eles quais forem, estão presentes e marcantes em tudo que escreve.

Compactuo com a maioria por aqui. Se joga, vai a luta e procure sua felicidade. Se ele demonstra a mesma vibração não há o que temer. Se depois houver um recuo, pode ser que ele não estava pronto pra você, seu desejo, seu amor. Mas não se culpe e não se limite. A vida é uma só. Melhor perder tentando do que ficar eternamente com o "SE eu tivesse", "SE eu fizesse", na memória. "SE" é o arrependimento dos que não tentaram e apenas perderam a oportunidade de encontrar o caminho.

Eu me entrego a vontade do desejo.

Bjo

BsVoxx disse...

Julio,

Acho fantástico a troca de idéias que acontece entre os nossos blogs ... lendo seu blog ... tive a ideia para o meu proximo post ...
Como um gay mais vivido te digo: Encaixes são raros, mas não sao unicos ... talvez desencontros, proibições e impossibilidades temperem ainda mais o encaixe ... sorte

• || Rai || • disse...

É realmente doído quando nos separamos de pessoas que gostamos. Acho que sei mais ou menos o que você sentiu, mesmo que eu nunca tenha amado alguém, na verdade.
Mas apesar de desejarmos muitas pessoas, acredito que possamos amar mais de uma vez também. Afinal, a vida é longa :)

W. G. Lacerda disse...

Gostei dos seus posts, estou seguindo, depois passa no meu blog: http://wglacerda.blogspot.com/
Até mais.

Autor disse...

Hum...
Gente apaixonada.
Que lindinho, hehehehe

DPNN disse...

E como saber se não tentar? melhor tentar e correr o risco de descobrir que o encaixe não era perfeito do que passar a vida pensando se era ou não...

Ro Fers disse...

Desculpe a falta de tempo, outra hora entro com mais tempo....
Indiquei um selo pra ti no blog...
Forte abraço!